Dominio: misteriomasculino.com.br
Chave: c81744035de90662c60a66f78098285991d8f46a
Hora do cache: 1507660082
Vida do cache: 1507703282
Status: 1
Mensagem: Centive nao respondeu
Chave do Pedido: db016299ed85ec33e7d62739c67e1b9f6e95d518
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

4 dados científicos que não sabia das relações de casal

Capaz de fazer o melhor e o pior das pessoas, aparentemente caótico e imprevisível, tem sido objecto de estudo por parte da ciência em repetidas ocasiões. Eis quatro dados científicos que não sabia sobre as relações humanas.
Em uma relação se distorce a realidade
Um estudo publicado no journal Pessoal Relationships concluiu que o amor é ser um pouco irrealista, e que os casais mais felizes são aqueles em que há uma incidência maior de distorção da realidade. O experimento consistiu em duas amostras de casais heterossexuais que compartilham a casa ou estão casados. A primeira amostra foi de 117, e a segunda de 203 pessoas. Ele pediu-lhes para avaliar quão atraentes eram facial e corporalmente a pessoa e seu parceiro. O que descobriram é que os casais felizes, havia uma clara tendência para ranquear seu parceiro com uma classificação maior do que a que essa mesma pessoa, se punha. Ou seja, quando você está apaixonado você vê mais atraente para o seu parceiro do que realmente é, desvirtuando, assim, a realidade.
Os casais que dizem “nós” são melhores, resolvendo conflitos
Em um estudo realizado pela Universidade de Berkley, na Califórnia, se encontraram 154 casais de meia-idade para cima, sobre os desentendimentos que haviam tido na sua relação. O estudo descobriu que os casais que se referiam a si mesmos com os pronomes “nós”, “nosso”, etc, mostravam menos estresse psicológico e levavam uma melhor relação entre eles. Os casais que buscaram destacar a sua individualidade através de palavras como “eu”, tinham um pior relacionamento. E como se o fizessem propositadamente, isso acontece em maior quantidade com casais de mais idade.
Quanto mais jovem for o casamento, mais caro é o anel
Em um estudo que fizeram os psicólogos Cronk e Dunham, verificou-se que existe uma correlação negativa entre o preço do anel e a idade da noiva. Ou seja, quanto mais jovem for a mulher, mais caro é o anel. Eles o explicam, alegando que o valor do anel está relacionado com a “qualidade” de reprodução de ambas as partes da relação (neste caso valorizada através dos rendimentos dos noivos).
Se você é mulher, e seus pais se divorciaram, é mais provável que você o faça
É bastante sabido que os filhos de pais separados ou divorciados têm uma atitude mais hostil para o casamento, mas um estudo publicado no journal Family Psychology mostrou pela primeira vez esta tendência. Durante o experimento foram medidos quatro variáveis principais em 265 casais comprometidos em seu primeiro casamento. O que se tinha era a confiança e o compromisso na relação, divórcio dos pais do casal e a quantidade de conflito relatado na relação dos pais. O estudo descobriu que as mulheres cujos pais são divorciados têm a menor confiança e compromisso em seu casamento, o que eleva a possibilidade do divórcio. Além de demonstrar cientificamente que os homens, somos, na verdade, uns insensíveis.
Fonte: http://revistamujeres.cl/emira-4-datos-cientificos-que-no-sabias-de-las-relaciones-de-pareja/prontus_revistamujeres/2013-04-22/091642.html
Foto: http://armonizandotuvida.blogspot.com/2012/11/reflexion-la-relacion-de-pareja.html

Juliana Dias

Sobre o autor | Website

Olá, meu nome é Juliana, tenho 27 anos, sou apaixonada por assuntos relacionados ao mundo masculino. E estou aqui para ajudar você mulher a saber tudo sobre os homens, seja na arte da conquista ou reconquista. Espero que eu possa contribuir verdadeiramente em seus relacionamentos, e qualquer coisa entre em contato ;)

1 Comentário

  1. Oh my goodness! Incredible article dude! Many thanks, However I am
    having issues with your RSS. I don’t understand why I cannot subscribe to it.
    Is there anybody having the same RSS problems? Anyone
    that knows the answer will you kindly respond?

    Thanx!!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.